Pra quem viu o filme Up – Altas Aventuras e imaginou que seria mais um filme para crianças, mudou de idéia logo após sair da sala de cinema. Este é um filme de animação que fez muito adulto chorar em muitas das cenas dessa aventura emocionante. A variação de risadas e lágrimas é translúcida. “Para cada risada, deveria haver uma lágrima”, afirmou John Lasseter no 62° Festival de Cannes, o homem que hoje comanda a área de animação da Disney.

https://i0.wp.com/3.bp.blogspot.com/_X643PcxIPVk/ScaTMHqyzXI/AAAAAAAASUk/dzz6_CrM5co/s400/Up+-+Altas+Aventuras.bmpEm Up, vemos a história de um velhinho chamado Carl que, viúvo, é vencido pela explosão imobiliária no seu bairro e ameaçado de ser posto num asilo, decide realizar a aventura tão sonhada na infância por ele e a mulher de explorar a natureza na América do Sul. Como trabalhou sempre com balões de gás hélio, Carl, une a sua casa balões suficientes para fazê-la voar. Inocentemente ele decola levando de brinde o garoto Russel, escoteiro cuja “promoção” dependia da tarefa de prestar auxílio a idosos. É o início de uma bela amizade e uma grande aventura feita pela Pixar.

Duvido que alguém não tenha se lembrado da principal fala do DUG, o cachorro mais simpático, após ver esse filme…

ESQUILO!


Anúncios